DE DRONE SOBRE O VELHO BAIRRO DA RIBEIRA, O RIO POTENGI E O PRÉDIO HISTÓRICO DA RAMPA

Parceria Positiva Entre o GRUPO TOK DE HISTÓRIA e IMAGEM & POESIA

RIO POTENGI.
PRÉDIO HISTÓRICO DA RAMPA, ANTIGA ESTAÇÃO DOS HIDROAVIÕES DA PAN AMERICAN AIRWAYS NO FINAL DA DÉCADA DE 1930 E SEDE DA NAVAL AIR FACILITY NATAL, DA US NAVY, DURANTE A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL. FOI TAMBÉM ÁREA DE RECREAÇÃO DOS OFICIAIS DA FORÇA AÉREA BRASILEIRA EM NATAL, DURANTE A DÉCADA DE 1950. RECENTEMENTE FOI RECUPERADO PELO GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
PORTO DE NATAL
ANTES DA POPULARIZAÇÃO DO TRANSPORTE AÉREO, O PORTO DE NATAL ERA O PRINCIPAL LOCAL DE LIGAÇÃO DOS NATALENSES COM OUTRAS REGIÕES DO BRASIL E DO MUNDO.
O CANTO DO MANGUE.
DECOLAGEM DE UM HIDRO MARTIN PBM-3 MARINER, VISTO PELOS ARCOS DA RAMPA, NO RIO POTENGI VISTA NO CANTO DO MANGUE, O ANTIGO E TRADICIONAL ATRACADOURO DOS PESCADORES NATALENSES.
ESCADARIAS DO ANTIGO E TRADICIONAL CAIS DA TAVARES DE LIRA, NA RIBEIRA, SITUAÇÃO ATUAL (ACIMA) E NA DÉCADA DE 1940 (ABAIXO).
RUA CHILE