LUGARES ESQUECIDOS – A MEMÓRIA DE RUÍNAS ESPALHADAS NO SERTÃO NORDESTINO E NA CAPITAL PAULISTA

Antiga Casa Grande em Patos de Irerê (PB), onde a mulher de Marcolino, protetor de Lampião, ficou refém da polícia com outras mulheres.
Antiga Casa Grande em Patos de Irerê (PB), onde a mulher de Marcolino, protetor de Lampião, ficou refém da polícia com outras mulheres.

 – PRÓXIMO DIA 12 DE MARÇO, NA TV BRASIL, EM REDE NACIONAL – 

Que histórias guardam uma casa abandonada no sertão nordestino, um antigo sanatório para doentes de tuberculose no interior paulista ou a escola para meninas na primeira vila operária de São Paulo?

Hospital Matarazzo/ SP: ficou fechado durante 20 anos, reabriu em 2014 para uma exposição de artes e voltou a fechar as portas.
Hospital Matarazzo/ SP: ficou fechado durante 20 anos, reabriu em 2014 para uma exposição de artes e voltou a fechar as portas.

Em Patos de Irerê (PB) Lampião deixava o esconderijo no pé da serra para passar a noite jogando cartas na casa de Marcolino, seu “protetor”. Histórias de sequestros de mulheres, combates entre polícia e cangaceiros, a briga entre o governador da Paraíba e o coronel José Pereira, estão em patrimônios públicos e privados, conservados ou não. E por que o ser humano sente-se atraído por imagens e histórias de locais deixados sob a ação do tempo?

O Caminhos da Reportagem acompanhou fotógrafos apaixonados por ruínas no Hospital Matarazzo, fechado durante 20 anos, em São Paulo, e pernambucanos que consideram Olinda uma caixa de 

Roteiro e direção: Bianca Vasconcellos
Reportagem: Aline Beckstein, Gustavo Minari
Produção: Aline Beckstein, Carina Dourado, Luana Ibelli, Monique Amorim, Natália Keiko,Pamela Santos, Thaís Rosa, Rostand Medeiros
Imagens: Alexandre Nascimento, Eduardo Viné, Milene Nunes, William Sales
Auxiliares: Eduardo Domingues, Leandro Oliveira, Rafael Carvalho
Sonoplastia: Priscila Resende
Edição de imagens: Caio Cardenuto, Rodger Kenzo
Finalização de edição de imagens: Rodger Kenzo
Fotos: Bianca Vasconcellos
A primeira vila operária de São Paulo é locação para peças publicitárias, editoriais de moda e clipes musicais
A primeira vila operária de São Paulo é locação para peças publicitárias, editoriais de moda e clipes musicais
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s