MANOEL GONÇALVES DE ABRANTES – BIOGRAFIA DE UM LÍDER DO SERTÃO PARAIBANO

Autora – Maria Nestorina Dantas Gonçalves de Abrantes.

Nasceu Manoel Gonçalves de Abrantes em 11.11.1889 no distrito do Lastro, pertencente ao município de Sousa-Pb, filho primogênito de uma prole de onze filhos, do pequeno agricultor e pecuarista João Gonçalves dos Santos e de dona Maria de Abrantes Ferreira, ambos de origem portuguesa, cujos antepassados foram pioneiros na colonização do Vale do Rio do Peixe.

Manoel Gonçalves de Abrantes

Faleceu o ilustre sousense em 09.11.1973, na cidade de Sousa-Pb, em virtude de complicações decorrentes da doença de Alzheimer.

Era proprietário rural, dedicando-se à criação de gado, plantação de algodão, cana de açúcar e de outros gêneros alimentícios. Possuía em suas fazendas muitos engenhos, onde produzia raspaduras e outros derivados da cana de açúcar. Na adolescência estudou no “Ateneu Santanense”, em Santana dos Matos, no vizinho Estado do Rio Grande do Norte, sob a orientação do Padre Lúcio Gambarra, porém, por contingências políticas e familiares, não completou os seus estudos, interrompendo-os na quinta série do ensino fundamental.

Sua liderança natural aflorou em diversas ocasiões, notadamente na defesa de seus patrícios, na conciliação de conflitos de terra. Possuía o respeito, ímpeto e arrojo que se destacaram nos sertões da Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte, chamado que era para dirimir conflitos e defender sua terra. Sua fidalguia, liderança e trato político o distinguiu entre outras lideranças e apesar de não possuir a patente, foi alcunhado de “Coronel” Manoel Gonçalves. Nunca foi subserviente, tratava os chefes políticos como igual. Homem que, apesar de valente, era conciliador. Sua palavra era honrada e ai daqueles que ousavam desafiá-lo. Possuía sua própria “tropa de proteção”, o que era normal e aceitável nos sertões nordestinos, onde os bandos denominados “cangaceiros” aterrorizavam a população e o poder público era incipiente naquelas plagas. Extremamente vaidoso, vestia-se com ternos de linho e casimira inglesa, chapéu de abas curtas, bengala, botas ou sapatos sempre impecáveis, como podemos notar em fotos de acervo familiar. Sua vida, ainda hoje, é motivo de curiosidade de várias pessoas, sendo que alguns destes sempre procuram a família para se inteirarem dos feitos do famoso Coronel, tendo neto, Dr. José de Abrantes Gadelha, escrito o livro  “Sangue, Terra e Pó” sobre fatos da vida de Manoel Gonçalves de Abrantes e outros pesquisadores se deslocam até o sertão para colherem dados sobre o mesmo com o intuito de produzirem documentários.

Manoel Gonçalves e sua esposa

Ingressou na política numa contingência natural, ao lado de outros amigos das famílias de prestígio local, tais como os Mariz, os Oliveira, os Sarmento, os Gomes de Sá, os Pires de Sá, os Gadelha. Desfrutou de prestígio político ante os Governos de João Pessoa, de Antenor Navarro, Oswaldo Trigueiro e Argemiro de Figueiredo. Sofreu perseguições políticas no governo de Rui Carneiro, de1940 a1945. Em 1954 foi eleito Deputado Estadual, pela legenda da UDN, colocando seus filhos Augusto, Romeu e João Gonçalves de Abrantes, na política, para continuação de suas tradições. Augusto Gonçalves de Abrantes, médico, eleito Prefeito de Sousa, mais tarde suplente de Senador da República de Argemiro Figueiredo e Secretário de Saúde do Estado da Paraíba; Romeu Gonçalves de Abrantes, eleito Deputado Estadual, mais tarde fora cassado pela Revolução de 1964; João Gonçalves de Abrantes, várias vezes eleito Vereador, para a Câmara Municipal de Sousa.  Foi ainda Manoel Gonçalves de Abrantes eleito Prefeito do lugar onde nasceu: o Lastro, transformada em cidade, em 1963. Seu palco não era a tribuna da Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba. Manoel Gonçalves não era um tribuno, um orador, no sentido mais peculiar da palavra. A política que o conduzia era aquela dos interesses mais importantes para a sua gente: a defesa do solo, da agricultura, da saúde, das terras produtivas e esta se faziam nos bastidores, nas alianças partidárias. O seu sonho maior foi batalhar para levar para Sousa o Hospital Regional, que hoje leva o seu nome.

Herdeiros de suas tradições políticas, alguns de seus netos e até bisnetos, deram e dá continuidade ao nome e tradições do velho líder político dos sertões nordestinos, tais como John Johnson Dantas Gonçalves de Abrantes, advogado, grande orador, que exerceu cargos públicos relevantes e hoje atua como um dos maiores especialistasem Direito Eleitoraldo país, que divide com seu filho Edward Johnson uma das mais prestigiadas bancas advocatícia do Estado da Paraíba; José de Abrantes Gadelha, advogado, escritor, Defensor Público, duas vezes prefeito da cidade do Lastro – PB; Atualmente a bisneta de Manoel Gonçalves de Abrantes, Isabelle Dantas de Abrantes Diniz, filha de Johnson Abrantes, advogada e vice-prefeita do Lastro, abraçou os ideais do seu ilustre antepassado, iniciando uma nova etapa na vida pública do nosso Estado.

Fazenda Concórdia em 1924, lar de Manoel Gonçalves. Zona rural do atual município do Lastro, Paraíba,

Além dos filhos, Manoel Gonçalves de Abrantes lançou na política o seu genro Nozinho Gonçalves, que foi vice-prefeito e prefeito de Sousa, tendo exercido com muita competência e reconhecimento da população sousense, aqueles cargos públicos. Outros membros da família Gonçalves de Abrantes se destacaram e se destacam até hoje no cenário local e nacional, como pessoas íntegras, profissionais de sucesso e liderança em seus setores, sendo reconhecidos como integrantes de uma das famílias mais conceituadas e tradicionais da Paraíba.

Este foi o legado de Manoel Gonçalves de Abrantes. Citando José de Abrantes Gadelha no final do seu livro “Sangue, Terra e Pó”:

“… depois de haver-nos honrado dignamente, e a própria terra ou o sertão vicejante, com sua existência, vez que, o preço do SANGUE derramado, jorrou e floresceu novas vidas ao regar a TERRA, para mais tarde, através da morte, metamorfoseando-a, transformar o PÓ, que serve, talvez, de leito aos ínvios caminhos e estradas, muitas vezes percorridas e esquecidas”.

 

Um adendo do autor deste Blog – Sempre me chamou atenção durante minhas viagens de pesquisa sobre o cangaço pelos sertões do Rio Grande do Norte e da Paraíba, quando estou na área que abrange desde a cidade de Alexandria (RN), até Uiraúna (PB), em meio às inúmeras entrevistas que por lá realizei,  a presença quase constante do nome do fazendeiro Manoel Gonçalves.

Quando em 2010 conclui a minha pesquisa para o SEBRAE-RN, sobre o caminho percorrido por Lampião no Rio Grande do Norte, quando me encontrava nas cercanias da Serra de Martins, muito distante da cidade do Lastro, o nome de Manoel Gonçalves foi repetido. Até mesmo na Fazenda Trigueiro, em Pereiro, no estado do Ceará, soube que Manoel Gonçalves mantinha com a família Diógenes, dona desta antiguíssima gleba, negócios e laços de amizade.

Percebi que Manoel Gonçalves deixou na memória dos sertanejos uma enorme áurea de respeito, de ser um homem justo, decidido e lutador. Mas o interessante é que mesmo sendo ele um membro da poderosa elite agraria sertaneja da região, possuidor de muito poder em terras, armas e homens, essa memória não vem acompanhada de temor, do medo de simplesmente pronunciar o seu nome, de fatos desabonadores na sua história de vida e nem de exemplos de crueldade gratuita. Bem diferente do que ouvi sobre a história de vida de outros homens poderosos deste nosso sertão.  

Agradeço a amiga Maria Nestorina Dantas Gonçalves de Abrantes pela lembrança de enviar a biografia de Manoel Gonçalves e aos seus parentes, Alberto Júnior e Augusto Abrantes, pelo privilégio em compartilhar as memórias do seu antepassado.

Todos os direitos reservados

É permitida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de
comunicação, eletrônico ou impresso, desde que citada a fonte e o autor.

Anúncios

44 comentários em “MANOEL GONÇALVES DE ABRANTES – BIOGRAFIA DE UM LÍDER DO SERTÃO PARAIBANO”

  1. Caro Amigo Rostand,

    Não tenho palavras para externar minha gratidão pela divulgação da biografia de meu avô, neste espaço tão rico em história.

    Grande abraço, do seu amigo Augusto Abrantes

    Curtir

  2. Obrigada, amigo Rostand, pelo privilégio de ser publicada em sua coluna. Com certeza, estaremos lhe esperando aqui em João Pessoa para ciceroniá-lo e trocarmos idéias sobre os assuntos que nos apaixonam. Os seus comentários são muito apropriados sobre o meu avô, agradeço por tudo. Um grande abraço da amiga. Maria Nestorina

    Curtir

    1. Roberto da Cunha de Abrantes .
      Tenho o livro Sangue Terra e Pó, mas está faltando algumas paginas
      a onde posso comprar um outro. meu pai ganhou de um parente nosso
      quando foi na Paraíba .

      Curtir

  3. Ola amigo gostaria de saber mais um pouco
    sobre essa biografia pois estou tentando conhecer mais sobre a minha familia,
    a sua origem. Sou de brasilia e meu nome é Alan Jonnes Abrantes da Silva,
    e estava pesquisando sobre um tio meu que morreu recente e tem o mesmo nome
    se poder me falar a origem da familia abrantes ficarei muito agradecido,
    de ja agradeço a sua atenção.

    Curtir

  4. Nossa…fiquei super intrigada pois sempre quis conhecer a minha árvore genealógica!Mas não tenho certeza se faço parte desta familia realmente, pois meu pai faleceu e com ele todo a minha história paterna. De maneira que gostaria de reivindicá-la como direito próprio de conhecer os meus antepassados!Att… manuella lima abrantes!

    Curtir

    1. Essa família de Abrantes é enorme .
      Sou Alan Jonnes Abrantes da Silva, minha mãe é Maria de Fatima de
      Abrantes natural de Catolé do Rocha -PB, Moramos em brasilia
      onde há muitos Abrantes.(alan.mob@hotmail.com)

      Curtir

    1. será que nós somos primos? Nossa muito legal se for! Conhecer alguém por parte do meu pai decididamente é encontrar o outro lado da minha vida totalmente desconhecida!!!

      Curtir

    2. Augusto ainda estou aguardando seu retorno! Engraçado como eu tento contato com alguém dessa familia e não consigo! Sou neta de Manoel Gonçalves de Abrantes, filha de Manoel Gonçalves de Abrantes Neto. Meu pai faleceu em decorrência das complicações do câncer. Não tive nem a oportunidade de me despedir. E tenho sim muita curiosidade em saber mais sobre todos e ter contato mesmo! È chato não saber a quem puxou, se tem predisposição a algum tipo de doença ou coisa desse tipo! Sou advogada, moro no interior da Bahia, mas nasci em Brasilia em 1983. Entre em contato comigo para podermos conversar! Att..

      Curtir

  5. ola!
    também tenho interesse em conhecer um pouco mais da vinda da família Abrantes para o Brasil, e sobre a arvore genealógica, pois meu tataravó era Manoel Abrantes Pinto.
    att daize abrante

    Curtir

  6. ola sou Luciana Abrantes de Goias…meu avo era Danton Raul Abrantes…..gostaria de saber se vc tem algo que possa me dizer da vinda dos Abrantes para o inteiro de Goias..

    Curtir

    1. Será que somos primas? Acho que deveriámos nos conhecer! Aliás, todos nós que temos esse sobrenome poderiamos ser parentes. Não seria legal! Se vc tiver intagram me add: @abrantesmanu

      Curtir

  7. aqui no maranhão por volta de 1889 apareceu uns Abrantes na minha cidade Guimaraes que era um dos portos principais para embarcações portuguesas no estado,esses Abrantes eram irmãos,porém não sabemos onde foi parar o outro e nem sabemos se era homem ou mulher,tudo que sabemos é que ele foi pra os lados do RN ou PB,e aqui ficou o José Tavares de Abrantes que deu origem a nossa família Abrantes,que já tem a mesma idade que a de vocês! meu email é : lucas_ramada@hotmail.com
    podem entrar em contato pelo facebook que é : Lucas Abrantes Ramada

    Curtir

    1. Entao Lucas, na verdade eu queria saber mais a respeito do dr. augusto gonçalves abrantes ver foto dele. Pelo que sei ele foi ex. prefeito da cidade de Souza Paraiba. Se vc conseguir ficarei muito grata.

      Curtir

      1. Infelizmente o autor José de Abrantes Gadelha não republicou o livro em 2ª edição.

        Curtir

  8. Soube em 2009 que sou neto de Manoel Gonçalves e gostei muito de saber sobre sua história de vida e jeito de ser. Busquei contato com um irmão , que se chama Augusto, filho de Evandro. Mas não obtive sucesso, pois o mesmo não quis contato. Respeito isso e desejo paz e felicidades a todos. Hernani (hernanioliveira15@hotmail.com)

    Curtir

  9. Sou filha do dr. Augusto Gonçalves Abrantes, Nunca tive o prazer de conhece-lo. Pois o mesmo so me conheceu atraves de fotos. E nunca teve a coragens de me procurar. Mas gostaria muito de conhecer meus irmaos por parte de pai. Sou uma pessoa culta, bem criada, moro em Uberlandia Mg. Se alguem quizer ter contato meu e-mail é bia20@hotmail.com.br obrigada.

    Curtir

    1. B. Vanderlei: O dr. Augusto Gonçalves foi realmente Prefeito de Sousa nos anos 50 salvo enganos, como tb foi suplente de senador pela Paraiba. Acho que o mesmo chegou a assumir o senado federal. Era um médico renomado em Sousa e região. Era grande proprietário de terras na cidade de Lastro(PB). Parece que teve um filho seu que foi vereador em Sousa(PB). Se vc quer saber algo mais sobre os Abrantes, vê o livro de “Gadelhinha”: TERRA, SANGUE & PÓ. tal livro trás a historia do pai do dr. Auguto o famoso “Coroné” MANOEL GONÇALVES DE ABRANTES. Que dominou por mui tempo a política na região de Sousa e Lastro. Era isso….. Arnaudo.

      Curtir

    2. Bia, se quiser conversar comigo, procure a minha página no facebook e me adicione. Sou sobrinha de Augusto e recentemente escrevi um texto sobre ele, que está postado na minha página no facebook

      Curtir

    3. oi bia,acho que somos primas,nasci no lastro
      sou prima de johnson abrantes advogado
      se vc quiser entrar em contato minha mãe era
      Beatriz maria abrantes,também tenho o livro
      atualmente morro em João Pessoa

      Curtir

      1. Olá Natália. .que prazer em poder ter contato com vc!! Então mora em Uberlandia mg gostaria muito de manter sempre contato com vc!! Meu whatsapp e 991419130 se vc tbem tiver ficará mais fácil da gente se falar…bjos fica com Deus.

        Curtir

  10. Ok, aqui vai minha pequena arvore genealógica quem puder me ajudar a fazer a ligação com o Manoel Gonçalves de Abrantes eu agradeço.

    Aldenor Abrantes Filho ( EU ) – abrantes.filho@hotmail.com
    filho de Aldenor Abrantes, neto de José Bonifácio de Oliveira e Maria Soledade Abrantes, bisneto de José Sarmento de Abrantes e Hozana Maria de Abrantes…. o qual nao sei mais a partir daqui, toda e qualquer ajuda é muito importante pra mim. obrigado e Deus abençoe a todos os Abrantes do mundo.

    Curtir

  11. Deixo aqui uma mensagem sou filha de dr. Augusto Gonçalves Abrantes. Eu nao o conheci por ser filha de um um grande amor proibido por parte de meus pais. Mas sei que ele foi um grande homem. Moro em Uberlandia mg e sou uma pessoa formada, em decoraçao. Gostaria de saber quem sao meus irmao, sobrinhos etc. Um grande abraço. Bia

    Curtir

  12. Meu nome é José Lucas Gonçalves de Abrantes, moro em Brasília mas minha família é de Alexandria-RN, acho q sou parente desse cara, os mais velhos dizem q nossa família e do Lastro então… Achei muito bacana conhecer um pouco mais a respeito com essa biografia. Vlw

    Curtir

  13. Que legal todos vcs!Tb não tive muito contato com meu pai Manoel Gonçalves de Abrantes Neto. Nos víamos pouco! Ele faleceu e não tiveram nem a decência de me avisar! Fico triste porque sou doida para conhecer meus irmãos por parte de pai e saber mais sobre ele. Fica meio vazio, né?! Parecendo que a gente não está completo! Meus irmãos não querem me conhecer e já tentei uma porção de contatos! Bom..quem sabe somos todos primos! Seria maneiro conhecer alguns! Abraços…

    Curtir

  14. A familia Abrantes , meu nome é Antonio de Abrantes Alves Neto filho de Ernani de Abrantes Alves QUE VEIO DE sousa Paraiba.. tenho certeza que nossa familia é grande e a muito o que descutir…

    Curtir

    1. sou MARIA DALILA ABRANTES sou filha de ;ALAIDE ABRANTES DE LIMA ela filha de Dalila SEVERIANA DE ABRANTES e JOSE ABRANTES FERREIRA DO LASTRO.

      Curtir

  15. Nossa! chorei lendo isso! além de ser uma historia muito bonita,senti como se ele fosse meu avÔ, sempre tive um interesse enorme em saber minhas origens, esse sobrenome sempre me chamou atenção nao por ser bonito, mas por dispertar um desejo de saber mais sobre min,será que alguém pode me ajuadar a esclarecer minhas duvidas ??
    e se eu achar Tios/as,Primos/as…… nossaaa eu iriia morreeer de felicidade.

    Me chamo: Rafaela de Abrantes Borges
    💄👙👠💅
    desde já grata a vcs!

    Curtir

  16. eu sou luiz abrantes ferreira filho edmilson abrantes ferreira meus avoeis são luiz abrantes ferreira e nestorina abrantes furtado são natural do lastro-pb

    Curtir

  17. Galera, o nome da minha avó é Sabina Abrantes. Porém, eu nunca a conheci. Gostaria de saber se algum de vcs a conhecem ou a conheceram.

    Curtir

  18. Linda Biografia… Sou Abrantes da gema, e sei do grande respeito e admiração que todos tinham pelo ilustríssimo MANOEL GONÇALVES DE ABRANTES..!!!

    Curtir

  19. Linda Biografia… Eu sou Abrantes da gema com muito orgulho… Eu tive o prazer de chegar a conhecer o ilustríssimo MANOEL GONÇALVES DE ABRANTES.. E FUI AO SEU SEPULTAMENTO NA CIDADE DE SOUZA PB.
    E presenciei uma cena que me marcou bastante, o seu Neto Johnson Abrantes, em total desespero, no trajeto até o cemitério, ele desesperadamente a gritos chamando pelo o seu ilustre AVÔ… EU TINHA APENAS 13 Anos de idade…!!!! Mas me lembro…!!!!

    Curtir

  20. A família Abrantes é uma só, oriunda de Portugal, a qual pertenço. Hermambério Abrantes de Quadros.

    Curtir

  21. Meu nome é Regiane Abrantes, sou natural de Lastro nasci e me criei nessa cidade, cheia de histórias a respeita da família Abrantes.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s